Cap. 3 – Chuva e Sol

Prosaico

Capítulo 3 – 07 de Janeiro de 2021. 02:48. Estranho.

Sol

Mormaço.

Abafado.

Nuvens escuras

Trovões.

chuva.

Tudo em alguns instantes. Repentino. Sol e chuva. Calor e frio. Luz e calma.


Foi um dia de estranheza. Que molhou minha rua de cinza escuro e quase invadiu minha janela. E da varanda dos fundos dava pra ver a árvore banhada pelo sol. Os pássaros cantando com todo o ar do peito. As pombas voando. Um traço azul no céu. O barulho das gotas no telhado vizinho.

Era lindo ver como tudo parecia reluzir por causa da luz do sol. E que ao mesmo tempo, do outro lado da casa a chuva deixava tudo calmo e tranquilo com seus pingos.


Foi curioso. Era como a minha vida numa quarentena. Eu estou isolada dentro de casa, mas mesmo assim estou bem. Meus dias são de Chuva e Sol constantemente.

As vezes só tem Sol, outros só chuva. Tem dias que um aparece mais que o outro. E as vezes os dois estão em sintonia.

Dias de alto e baixos.

Dias de luz e calma

Passei o dia quase todo escutando música. Cantei quase todas elas. Me irritei com algumas. Relaxei com outras. Até chorei.

Sou viciada em música! Minha maior droga. Mas sobre isso vou ficar devendo para outro capítulo. Meu amigo sono chegou e não posso deixar ele ir sem acompanha-lo.

Até logo

— L

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s